Ads Top

Mourão desobedece Bolsonaro, e diz que Brasil vai atrás da compra do Coronavac

 

Vice-presidente falou sobre a vacina chinesa em entrevista à revista Veja. Segundo ele, polêmica sobre imunização faz parte de uma "briga política" com João Doria.

Em uma entrevista publicada pela revista Veja nesta sexta-feira (30), o vice-presidente,Hamilton Mourão, contradisse o presidente Jair Bolsonaro e afirmou vai comprar a vacina do laboratório chinês Sinovac, desenvolvida em parceria com o Instituto Butantan.


"Lógico que vai. Essa questão da vacina é briga política com o Doria. O governo vai comprar a vacina, lógico que vai. Já colocamos os recursos no Butantan para produzir essa vacina. O governo não vai fugir disso aí", afirmou.

O vice também disse que não ter receio de tomar vacina que venha da China. "Desde que esteja certificada pela Anvisa. Não tem problema nenhum", concluiu.

AOS POUCOS QUEREM INDUZIR O POVO, PARA OS PLANOS DA AGENDA 2030...

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.