Ads Top

Começo da inversão do campo magnético? Austrália, Nova Zelândia e Nova Caledônia registram terremotos de 7,7 graus na escala richter e aumentam chances de Tsunami na Oceania

Um terremoto de magnitude 7,7 que atingiu o Pacífico Sul gerou um tsunami, disse a agência meteorológica australiana.


“Tsunami confirmado”, disse o Australian Bureau of Meteorology em um tuíte, ao alertar sobre uma ameaça à Ilha Lord Howe, que fica a cerca de 550 quilômetros (340 milhas) a leste do continente australiano.

O Centro de Alertas de Tsunamis do Pacífico reportou a possibilidade de ondas entre 30 centímetros e um metro ao largo das costas da Nova Caledónia, Vanuatu e Fidji.


O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitoriza a atividade sísmica global, localizou o hipocentro de ambos os sismos a 10 quilómetros de profundidade.


Um sismo de magnitude 6,1, seguido por uma réplica de magnitude 7,5 meia hora depois, abalou hoje as Ilhas Loyalty, um arquipélago no território francês da Nova Caledónia, no Pacífico Sul, produzindo alertas de tsunami.


A Nova Caledónia está localizada perto do chamado Círculo de Fogo do Pacífico e dos vulcões subaquáticos da Bacia de Lau, razão pela qual regista regularmente terremotos de origem sísmica.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.