Ads Top

Propaganda ¨Shippar¨ da Italac faz alusão à marca da besta por meio da psicologia reversa



A propaganda de uma marca de laticínios que foi lançada em Novembro de 2019, foi bem sugestiva, e vem seguindo a profecia bíblia, de Apocalipse capítulo 13 versículos 16 ao 18, que diz: 

¨Ela obrigou a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos a aceitarem certa estampa de marca na mão direita ou na testa, 17a fim de que ninguém pudesse comprar nem vender, a não ser que apresentasse a tal marca, que é o nome da Besta ou o número do seu nome. Aqui é preciso decifrar. Aquele que tem sabedoria calcule o número da Besta, pois o número representa o nome de um ser humano. Seu número é seiscentos e sessenta e seis!¨

A propaganda da Italac, e a direção pegaram o termo em inglês ¨Shippar¨ que para muitos é apenas torcer para quem casal dê certo em uma obra de áudio visual, Novelas, Séries, Filmes. Porém não é apenas só isto. O comercial surgiu bem antes do coronavírus aparecer, e as atrizes do vídeo e atualmente na Globo, Adriana Esteves e Taís Araújo contracenaram como uma falsa felicidade no termo Chipar. Pois não era Shippar, mas sim Chipar. 

Lembrando que este comercial segue ainda na Televisão, em Horário Nobre antes de começar o Jornal Nacional da Rede Globo, a Italac vem sendo a empresa que mais paga à globo para este comercial ficar rodando... nos comerciais do Jornal Nacional. 



Este comercial é do tipo um condicionamento mental, que fazem as pessoas acharem normal, colocam uma dosagem de psicologia reversa dizendo que o termo ¨Shippar¨ é apenas um jeito moderno de dizer que amam algo, ou alguém junto. Porém, não é bem isto que o comercial quer passar. Pois a Adriana Esteves diz para a Tatá, que tá na moda Chipar. (E ambas caem na gargalhada). E o comercial termina da mesma forma que se iniciou: ¨Se Shippou (Termo que não existe no Inglês) Chipou no sabor, lá em casa tem. 

A maioria das empresas seguem uma agenda, para a implementação da Nova Ordem Mundial, e não é diferente com a Italac. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.