Ads Top

Donald Trump foi levado para Bunker Subterrâneo da Casa Branca, em Washington



O presidente Donald Trump foi temporariamente transferido pelo Serviço Secreto para o bunker subterrâneo da Casa Branca em meio ao protesto no lado de fora da vedação.

Os protestos, motivados pela morte do afro-americano George Floyd, atingiram a capital do país em 29 de maio, quando manifestantes furiosos se concentraram na avenida Pensilvânia, bloqueando a Casa Branca.

Segundo informa hoje (1º) o jornal US Today, o elevado número de manifestantes e sua agressividade, provocando confrontos e queimando bandeiras, levaram o Serviço Secreto (agência federal norte-americana responsável pela proteção do presidente, vice-presidente e suas famílias) a pedir que Trump se refugiasse no bunker subterrâneo.
Apesar de nunca terem acreditado que o presidente estivesse em perigo, os responsáveis pela sua segurança pessoal tomaram a precaução de levá-lo para o bunker à medida que as tensões aumentavam.


O abrigo subterrâneo serve, para além de proteção do presidente e de seus principais colaboradores, para coordenar o governo, com recursos e tecnologia de ponta.

Segundo o US Today, Trump permaneceu confinado durante cerca de uma hora, tendo ficado muito abalado com os protestos, elogiando posteriormente o trabalho do Serviço Secreto.

Nos últimos dias, a segurança da Casa Branca foi reforçada com efetivos da Guarda Nacional e por pessoal adicional do Serviço Secreto dos Estados Unidos e da Polícia do Parque dos Estados Unidos (The United States Park Police).

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.