Ads Top

Em conferência em Genebra na Suíça, Putin e Biden se encontram pela primeira vez, e conversas duraram 2 horas

 


O primeiro encontro entre os presidentes dos Estados Unidos e da Rússia, Joe Biden e Vladimir Putin , junto com seus respectivos ministros das Relações Exteriores, durou quase duas horas em Villa La Grange, em Genebra, informou o Kremlin.


“Terminamos o formato reduzido” da reunião, ou seja, os dois presidentes e seus oficiais diplomáticos, Sergey Lavrov, e Antony Blinken, disse o porta-voz, Dmitri Peskov.


No programa inicial, estavam previstos cerca de uma hora e quinze minutos para este encontro , que se realizava numa das bibliotecas do casarão construído no século XVIII.


Finalmente durou quase duas horas, segundo Peskov, que acrescentou que agora há uma pequena pausa.

A Casa Branca teve uma hora e meia de reunião, começando às 13h44 no horário local (11h44 GMT) e terminando às 15h17 (13h17 GMT).


A pauta das negociações iria se concentrar nesta primeira reunião sobre o estado atual e as perspectivas das relações bilaterais, estabilidade estratégica, questões de segurança da informação e combate ao crime cibernético.


Além de temas relacionados à cooperação econômica, clima, o Ártico e a luta contra o covid-19.


Após o intervalo, os dois líderes seguirão para o formato ampliado, do qual, além de Putin e Biden, participam cinco assessores de cada uma das delegações.

Em seguida, ainda haverá uma segunda parte no formato estendido antes que os líderes ofereçam uma entrevista coletiva separada.


O formato ampliado será dedicado, entre outros temas, a conflitos e crises regionais: Oriente Médio, Síria, Líbia e Ucrânia, o programa nuclear iraniano, o assentamento no Afeganistão e a situação na península coreana e em Nagorno Karabakh.


Putin e Biden, que se cumprimentaram com um aperto de mão, começaram sua cúpula com uma breve troca de palavras diante de câmeras de televisão de todo o mundo.


O americano disse que é melhor um encontro cara a cara e o russo disse que espera uma reunião “produtiva”.


O primeiro a falar foi Putin, que enfatizou que “muitas questões se acumularam nas relações russo-americanas que exigem uma reunião do mais alto nível”.

“Espero que a nossa reunião seja produtiva”, disse o líder russo, que agradeceu ao seu homólogo “pela iniciativa de realizar esta reunião.”

Biden disse “obrigado” depois que seu colega russo afirmou que esperava uma reunião produtiva, observando: “Como sempre disse do lado de fora, é melhor encontrar-se cara a cara”.

O presidente dos Estados Unidos acrescentou que durante este dia eles tentarão determinar onde residem seus interesses mútuos e onde residem seus desacordos.

“Podemos fazer de tudo para discutir os assuntos de maneira profissional e previsível”, afirmou.


Enquanto isso, o caos e a tensão estouraram entre jornalistas dos Estados Unidos e da Rússia, que competiram para entrar na biblioteca de Villa La Grange, em Genebra, para participar do início da cúpula entre Biden e Putin.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.