Ads Top

Eles não te querem vendo comer carne, assim como George Orwell antecipou em BIG BROTHER 1984, JBS suspende produção em frigorífico nos Estados Unidos após um ciberataque

 

A empresa Multinacional Brasileira JBS, uma das melhores processadoras de carnes do mundo, foi forçada a suspender parte de sua produção em fábricas nos Estados Unidos e Canadá poucas horas após relatar que um ataque cibernético estava ocorrendo.


Ou ataque, detectado pela JBS na Austrália neste domingo, afetou "alguns servidores que suportam sistemas de TI na América do Norte e Áustria", segundo um comunicado da empresa, que também não foi especificado como um "ransomware". Maio pela Colonial Pipeline, uma grande rede de gasodutos em dois EUA.


Os ataques de ransomware bloqueiam sistemas de computador que não foram liberados por empresas ou instituições que pagam por hackers.


A JBS informou que os servidores de backup da empresa não foram afetados pelo ataque e que seus técnicos estavam trabalhando para restaurar os sistemas.


Além da paralisação das fábricas de processamento da JBS na América do Norte, isso poderia levar a problemas de abastecimento de carne para os Estados Unidos, Canadá e outros países, já que em um ano aumentei dois preços de dois produtos cárneos.


Entre outras instalações, a JBS possui 9 frigoríficos de carne bovina, 5 frigoríficos suíços e 26 frigoríficos nos Estados Unidos. Além do Canadá, a JBS possui uma fábrica de processamento de carne bovina.


A empresa observa em seu site que a carne processada em sua fábrica, não no Canadá, tem como destino mais de 20 países ao redor do mundo.


Ou ataque Colonial Pipeline paralisando as operações da empresa que transporta pelo menos 2,5 mil barris de gasolina, diesel e querosene de aviação das refinarias do Golfo do México para grandes áreas do país todos os dias.


O ataque à rede de gás, que fez com que os preços da gasolina ficassem submissos aos Estados Unidos, foi atribuído a um grupo de hackers chamado Darkside e causou alarme por parte do governo norte-americano.


Segundo dados do setor, a JBS é responsável por até 20% da produção norte-americana de carnes processadas. A controladora, JBS Foods, é uma das maiores empresas de alimentos do mundo, com atuação em 15 países e vendas em cem nações.


Na Austrália, o ataque cibernético de hoje causou o cancelamento de turnos de trabalho de milhares de trabalhadores pelo segundo dia consecutivo. A JBS possui 47 instalações na Austrália e emprega cerca de 11.000 pessoas no país.


Até 70% da produção da JBS na Austrália é destinada à exportação.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.