Ads Top

No bosque das Oliveiras, e no dia do aparecimento da Estrela de Belém com Júpiter e Saturno em Alinhamento; Netanyahu presenteia Jared Kushner com um jardim pela paz do Acordo de Abraão




O primeiro ministro de Israel e o conselheiro sênior do presidente dos EUA, Jared Kushner, realizam cerimônia de plantio de árvores para inaugurar o jardim Kushner pela paz no bosque das nações.


O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu e o conselheiro sênior do presidente dos EUA, Jared Kushner, realizaram hoje uma cerimônia de plantio de árvores e inauguraram o Jardim Kushner para a Paz no Bosque das Nações.


Em uma visita formal a Israel, e após intensas negociações, liderando os Acordos de Abraão e intermediando uma série de acordos de paz e normalização para o Estado de Israel, o conselheiro sênior do presidente dos EUA, Jared Kushner, plantou uma árvore e revelou o Jardim de Paz kushner em Keren Kayemeth LeIsrael-Jewish National Fund's Grove of Nations, localizado em Jerusalém.

Na cerimônia, dezoito oliveiras foram plantadas e a oração do plantador foi recitada em inglês por Kushner e em hebraico pelo presidente mundial da KKL-JNF, Avraham Duvdevani, que também expressou seu apreço pelo admirável trabalho de Kushner.


Juntamente com o primeiro-ministro, Duvdevani presenteou Kushner com o certificado do Livro de Ouro, inscrevendo Kushner nos anais da história judaica.


O Bosque das Nações está situado na Floresta de Jerusalém e faz parte da Rota da Oliveira, uma iniciativa liderada pela UNESCO e pelo Conselho da Europa para estabelecer uma Rota da Oliveira em torno de toda a bacia do Mediterrâneo "expressando o desejo comum de paz e coexistência".

Além do jardim, um pátio em Homenagem à Jared foi feito. 


Um pátio na embaixada dos EUA em Jerusalém foi nomeado em homenagem a Jared Kushner, pois elogia a busca incessante de Donald Trumppela paz.


O Jovem Kushner desempenhou um papel fundamental na assinatura dos Acordos de Abraão, que viram os Emirados Árabes Unidos e o Bahrein reconhecerem oficialmente Israel, reduzindo a tensão no Oriente Médio.


O homem de 39 anos, que é genro de Donald Trump, estava presente na inauguração do Jardim kushner da paz em Jerusalém hoje cedo.

O genro e conselheiro sênior de Donald Trump, Jared Kushner, foi homenageado hoje em Jerusalém, quando a embaixada dos EUA nomeou um novo pátio em homenagem a ele. Ele foi acompanhado pelo embaixador dos EUA David Friedman (à esquerda)


De acordo com o Jerusalem Post,o embaixador dos EUA David Friedman leu de uma placa no jardim, que afirma: "Pátio Kushner, dedicado em homenagem a Jared Kushner e inspirado por sua busca incessante pela paz.

"Quando houver paz nesta região, olharemos para trás neste dia e lembraremos que a jornada pela paz começou com uma América forte."

Kushner, conselheiro sênior de Trump desde 2017, plantou uma das 18 oliveiras na cerimônia de hoje.


A oração do plantador foi então lida em inglês pelo Sr. Kushner, e em hebraico pelo presidente do Fundo Nacional Judaico Keren Kayemeth, Avraham Duvdevani.

A cerimônia de hoje vem apenas algumas semanas depois que o Sr. Kushner viajou para a Arábia Saudita e o Catar, em uma tentativa de empurrá-los para normalizar as relações com Israel.

A visita no final de novembro foi vista como a mais recente tentativa de aproximar as nações do Oriente Médio com Israel à medida que a influência do Irã cresce na região.


Uma placa no Pátio Kushner elogiou a "busca incessante da paz" do conselheiro, após seu papel fundamental na assinatura dos Acordos de Abraão entre Israel, os Emirados Árabes Unidos e o Bahrein


Ele conheceu pela primeira vez o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman na cidade de Neom, antes de se encontrar com o Xeque Tamim bin Hamad Al Thani, o emir do Catar.

Ele também se reuniu com o ministro das Relações Exteriores do Kuwait, Sheikh Ahmad Nasser Al-Mohammad Al-Sabah, informou a Reuters.

Fontes: ISRAEL NATIONAL NEWS & Daily mail

Tradução: BDN


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.