Ads Top

'Amazônia não é só dos Brasileiros' diz Ministro Francês Frank Riester


O Ministro do Comércio Exterior da França, Franck Riester fez um alerta nesta quinta-feira (20) em uma sessão no senado francês: "A Amazônia não é apenas dos brasileiros".


Ele garantiu aos senadores franceses que o governo de Emmanuel Macron não assinará o acordo entre o Mercosul e a União Europeia (UE).


Franck Riester denunciou explicitamente o governo de Jair Bolsonaro como o motivo de sua decisão de vetar o tratado comercial, escreve o portal UOL.


Para ele, Brasília não mostra ainda o engajamento necessário e "faz o contrário do que precisa fazer" em temas ambientais. "É inimaginável assinar o acordo", afirmou.

"Queremos que o cumprimento do Acordo de Paris seja uma cláusula essencial nos futuros acordos de livre comércio", enfatizou o ministro francês.


"A consequência para o acordo com o Mercosul é clara: "Não podemos assinar o acordo com o Mercosul como ele está. A razão para isso é o não cumprimento dos acordos de Paris por parte de alguns desses países", explicou.

Críticas ao governo de Jair Bolsonaro

Franck Riester também criticou o combate ao desmatamento no Brasil. Ele disse que o governo brasileiro reduziu os recursos que estava colocando no setor, e está preparando uma lei agrária que corre o risco de "acelerar o desmatamento".


"A floresta amazônica não pertence apenas aos brasileiros. Mas à humanidade", disse. "Se eles não se moverem, não terão acesso mais fácil ao mercado europeu do que hoje", completou.

O posicionamento francês, ao lado de outros países, é visto pelo setor exportador brasileiro como "cínico", já que usaria a questão climática para tentar justificar um veto à abertura de suas fronteiras para os produtos do Mercosul.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.