Ads Top

Angela Merkel entrou em quarenta após contato com médico que estava infectado pelo Coronavírus



A chanceler alemã, Angela Merkel, teve de entrar em quarentena depois de ter tido contato com um médico diagnosticado com o novo coronavírus na semana passada. O médico, que aplicou uma vacina na líder alemã, estava assintomático, mas teve o teste positivo para o vírus.
Merkel trabalhará de casa por duas semanas. Mais cedo, em um esforço para conter a propagação do coronavírus, a Alemanha implementou uma "proibição de contato". Merkel anunciou em entrevista coletiva nesse domingo que o país vai endurecer as medidas no combate ao coronavírus e vai " reduzir o contato entre as pessoas ao máximo".
"Para esse fim, a Alemanha proibirá encontros com de duas pessoas. " Agora reduziremos a vida pública ainda mais e os contatos sociais, o objetivo é  ganhar tempo para conter a propagação do vírus ", disse a chanceler. 
Angela Merkel conversou pela manhã , por telefone, com 16 premieres de estado, avisando sobre a " proibição de contato" e explicando que apenas duas pessoas poderão interagir umas com as outras por vez, que as reuniões em grupos são inaceitáveis e serão multadas.
A chanceler disse também que a  distância mínima de 1,5 a 2 metros deve ser respeitada. A exceção são famílias e pessoas vivendo juntas. 
A chanceler também anunciou que restaurantes, salões de beleza e lojas de tatuagem serão fechados.
As medidas serão aplicadas por pelo menos duas semanas.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.