Ads Top

Brasília: Com vitórias em risco, Temer faz maratona exaustiva nesta Terça com deputados e senadores


Diante da maior crise política do governo desde que chegou à Presidência, Michel Temer fará nesta terça-feira (4) uma maratona de audiências no Palácio do Planalto para receber, das 8h às 22h, 22 parlamentares, entre deputados e senadores
Dos 16 deputados que Temer receberá nesta terça-feira, seis são integrantes da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, colegiado responsável pela primeira análise da denúncia de corrupção passiva contra Temer: Ronaldo Fonseca (PROS-DF), Evandro Gussi (PV-SP), Lelo Coimbra (PMDB-ES), Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), Darcísio Perondi (PMDB-RS) e Roberto de Lucena (PV-SP).
Caberá à CCJ analisar se a denúncia apresentada na semana passada pela Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente da República por corrupção passiva, com base nas delações dos executivos da J&F, preenche os requisitos constitucionais.
Nesta terça, o presidente da comissão, deputado Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), irá anunciar quem será o parlamentar que relatará a denúncia do Ministério Público.
A agenda de Temer prevista para esta terça foi divulgada na noite desta segunda (3) pela Secretaria de Comunicação Social.
A denúncia foi encaminhada pelo STF à Câmara dos Deputados, a quem cabe autorizar o Supremo a analisar a peça do Ministério Público Federal.
Atualmente, a denúncia está na Comissão de Constituição e Justiça. Na CCJ, os deputados votarão um parecer recomendando a aprovação ou a rejeição da denúncia.
Independentemente do resultado na comissão, a denúncia seguirá para o plenário, onde precisará do apoio de, pelo menos, 342 deputados para ser enviada ao Supremo.

A agenda do presidente

Saiba abaixo quem são os parlamentares que serão recebidos pelo presidente nesta terça, segundo a agenda oficial:
  • 08h - deputado Ronaldo Fonseca (PROS-DF)
  • 08h30 - senador Wilder Morais (PP-GO)
  • 09h - deputado Evandro Gussi (PV-SP)
  • 10h - senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO)
  • 10h30 - Ricardo Barros, ministro da Saúde
  • 11h - senador Telmário Mota (PTB-RR)
  • 11h30 - deputada Christiane de Souza Yared (PR-PR)
  • 12h30 - deputada Bruna Furlan (PSDB-SP)
  • 15h - senador Roberto Rocha (PSB-MA)
  • 15h30 - deputado Goulart (PSD-SP)
  • 16h - senador Pedro Chaves dos Santos Filho (PSC-MS)
  • 16h30 - senador José Maranhão (PMDB-PB)
  • 17h - deputado Luiz Lauro Filho (PSB-SP)
  • 17h30 - deputado Wilson Filho (PTB-PB), vice-líder, e o ex-senador Wilson Santiago, presidente do PTB na Paraíba
  • 18h - deputado Lelo Coimbra (PMDB-ES), líder da maioria na Câmara
  • 18h30 - deputado Rogerio Peninha Mendonça (PMDB-SC)
  • 19h - deputado José Priante (PMDB-PA)
  • 19h30 - deputado Aníbal Gomes (PMDB-CE)
  • 20h - deputado Alfredo Kaefer (PSL-PR)
  • 20h30 - deputado Átila Lins (PSD-AM)
  • 21h - deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS) e deputado Sinval Malheiros (PODE-SP)
  • 21h30 - deputado Roberto de Lucena (PV-SP)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.