Ads Top

Jared Kushner será a estrela máxima do Encontro Anual Bildeberg, que será realizado na cidade de Montreux, na Suíça



Jared Kushner, conselheiro sênior do presidente Donald Trump, está pronto para participar do encontro Bilderberg deste ano na cidade suíça de Montreux esta semana.

Fundado em 1954, a reunião Bilderberg foi projetada para fomentar relações mais quentes entre os Estados Unidos e a Europa. O Talk Fest anual é considerado secreto porque os convidados não estão autorizados a revelar quem disse o que na reunião.

A lista de convidados Bilderberg tipicamente inclui os principais políticos, líderes empresariais, financiadores, acadêmicos e membros influentes da mídia. O site do evento disse terça-feira que cerca de 130 participantes de 23 países confirmaram a sua participação este ano.

Além de Kushner, a lista de participantes deste ano apresenta o Ministro da economia francesa, Bruno Le Maire, CEO da Credit Suisse, tidjane Thiam, o governador do banco da Inglaterra, Mark Carney, e o antigo CEO do Google, Eric Schmidt.

O CEO total Patrick Pouyanne, secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, CEO da Microsoft, Satya Nadella, e o antigo Secretário de estado dos EUA, Henry Kissinger, também são confirmados.

Tipicamente, um terço dos participantes vêm dos EUA com o resto da Europa.

Entre outros assuntos, a agenda publicada deste ano inclui o Brexit, a ética da inteligência artificial, a importância do espaço, a mudança climática e a sustentabilidade.

     Pessoas contra o encontro anual dizem: Diga não para a Nova Ordem Mundial. Bilderberg FORA!

O Clube Bilderberg reúnem se as pessoas mais importantes das corporações e que visam uma nova ordem mundial, que seja estabelecida. E o grande assunto da vez neste encontro, é como eles poderão fazer esta nova ordem chegar mais rápida. 

O site oficial para as reuniões Bilderberg disse que o custo das reuniões "são cobertos integralmente por assinatura privada."

De acordo com um jornal diário suíço, Secretário de estado Mike Pompeo vai participar da reunião, embora o chefe do departamento de estado não está na lista de convidados oficial publicada terça-feira.

O artigo relatou que Pompeo está lá para discutir o Irã com o ministro das Finanças suíço Ueli Maurer. Os EUA não têm nenhuma relação diplomática formal com o Irã, e a Suíça representa os interesses americanos no país.


Veja também a lista completa dos participantes

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.